quinta-feira, 12 de julho de 2012

Sustentabilidade também na exploração espacial

Atualmente o nível de detritos espaciais vem aumentando constantemente, com isso a Agência Espacial Europeia (ESA) desenvolveu o Clean Space (Espaço Limpo, em tradução livre), uma iniciativa para preservar o espaço perto da Terra - e o próprio ambiente terrestre - com o objetivo de reduzir o impacto das atividades espaciais da Europa.
O diretor geral da ESA, Jean-Jacques Dordain, destaca que a implementação do Clean Space é um dos principais objetivos da Agenda 2015, plano de ação da agência. "Se estamos convencidos que a infraestrutura espacial se tornará cada vez mais essencial, então nós devemos transmitir o ambiente espacial às novas gerações como o encontramos: intocado", declarou. "Podemos dizer, portanto, que o Clean Space não é um programa novo, mas uma nova forma de conceber todos os programas da ESA", disse, assinalando a necessidade de que o setor espacial se reúna em torno deste objetivo comum.
Lixo espacial em torno da Terra
No espaço, limpeza significa segurança. Dos seis mil satélites lançados na Era Espacial, menos de mil seguem operacionais. O resto está abandonado e propenso a se fragmentar, como restos de combustível ou baterias. A ESA pensa em algum tipo de amarra para ajudar a "arrastar" satélites fora de órbita em 25 anos. A reentrada de satélites na Terra também precisa ser um processo mais seguro - às vezes, pedaços inteiros dos aparelhos atingem o solo intactos. No entanto, mesmo que todos os lançamentos espaciais parassem amanhã, as simulações mostram que os níveis de resíduos seguirão crescendo. Segundo a ESA, a remoção ativa também é necessária, incluindo missões robóticas para reparar ou tirar satélites de órbita.
Na Terra, o Clean Space envolve avaliar o impacto ambiental de futuros projetos espaciais, bem como monitorar os efeitos possíveis da legislação por vir sobre a indústria desse setor.
A avaliação de ciclos de vida será importante para mensurar os efeitos das tecnologias espaciais desde sua concepção inicial até o fim de sua utilidade. Em um workshop realizado pela Esa, uma consultoria em meio ambiente falou sobre o tema, descrevendo o ciclo de vida utilizado em outras áreas da indústria. Novos processos de fabricação, como fabricação aditiva, no qual as estruturas são construídas em camadas onde temperaturas mais baixas, fazem com que se use menos materiais e energias para ter um resultado melhor. Para reduzir a necessidade de eliminação de resíduos, a fabricante de foguetes Safran está trabalhando em um método biológico para a decomposição de resíduos sólidos tóxicos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Marcadores

10 anos 10th IMAA ABC da Astronomia Adonai Lopes Alinhamento anã fria andrômeda Antimatéria Asteroides Astrobiologia Astrofísica Astronauta Astronáutica Astronomia Astronomia na Praça Bibliografias Big Bang bolha Brasil Buraco Negro C.E.C Calendários calourada Caravana da Ciência e Cidadania Carl Sagan Caronte CARONTE 2016 Caronte no 10th IMAA Cassini Cataclismos Centro Educacional Caminhar CERN céu cfc China chuva Cinturão de Kuiper Clube Caronte Cometa Cometas competição Constelações Corpos Extrasolares Cosmologia Curiosidades Curiosity descoberta Divulgação Eclipse Eclipse Lunar efeitos Efeméredes Einstein Elias Cloy Encontro Internacional de Astronomia e Astronáutica Eratóstenes ESA ESO espaço estrela Estrelas Eventos Exoplanetas Exploração Espacial Extensão Fenômenos Naturais Fim do Universo Física Moderna Foguete Foguetes foto Gagarin Gagarin O Primeiro no Espaço | Filme Completo galaxia Galáxias garrafa pet Gigantes Vermelhas Grandes astrônomos Gravidade Grécia Greenglow História Astronômica IAU IFF IFFluminense Campus Itaperuna IMAA Imagens da Semana Índia Início dos trabalhos ISS Itaperuna Júpiter Kepler laranjada Lixo Espacial Louis Cruls Lua Maikon Vieira Mark Zuckerberg Marte Matéria e Energia Escura membros do clube Mercúrio Meteorologia Meteoros Missão Marte mistériio Mitologia Mitologia Indígena MOBFOG MOFOG mundo Nasa NASA publica a maior foto mundo!! Nely Bastos Nicolau Copérnico Nobel Notícias Notícias de Astronomia O projeto misterioso OBA objerto Observação celeste oficina Ondas Gravitacionais ONU Origem da Vida Pesquisas Públicas Planeta anão Planetas planetas habitáveis Plutão Poluição Luminosa Popularização da Ciência Premiação I Competição de Foguetes Caronte Premiação OBA 2016 Prof. Adriano Ferrarez Pulsar Quasar Radiotelescópios Relatividade robô Rodrigo de O. França Ron Evans Rússia Salvar a Humanidade Samanta Meireles Satélites Satélites Artificiais Saturno Sávio Andrade SERÁ QUE O SER HUMANO PODERÁ MESMO VIVER NO ESPAÇO? Sistema Solar Sol Sonda Sondas SpaceX Stephen Hawking superlua Telescópio Hubble Telescópios Tempestade Solar Terça dia 22/03/2016 Terra Universo Vênus Very Large Telescope (VLT) Via Láctea Viagem Interestelar Vida Extraterrestre Vídeos